sábado, 30 de agosto de 2014

MUDAS QUE EU PLANTEI

AGOSTO/2014

PARECE QUE TE ESQUECESTES
QUE TE CONHEÇO BASTANTE
E HÁ MUITO TEMPO DISSESTES
QUE EU ERA MUITO INTERESSANTE...
PLANTEI MUDAS DE AMOR PERFEITO
DO LADO ESQUERDO DO TEU PEITO
ACHO QUE AGORA ESTÃO BROTANDO
ACHO QUE ESTÁS SATISFEITO...
E NOSSA VIDA ESTÁ SE AJEITANDO

ELA É QUEM VAI NOS LEVANDO...

SERÁ?


AGOSTO/2014

IMAGINE-SE ME TOCANDO

DAS FORMAS QUE VENS PLANEJANDO

SERÁ QUE OS NOSSOS CORAÇÕES SE ENTREGANDO


SOBREVIVERÃO A TODOS ESSES ENCANTOS?

EU TE PROPONHO

AGOSTO/2014


QUE TAL DAR VOZ A ESSE TEU CORAÇÃO
DEIXAR QUE ELE GRITE E SE ESBALDE...
QUE ELE FAÇA JÁ TODO O ALARDE
E QUE NOS BANHE DE TANTA EMOÇÃO?
ABRA BEM TODAS AS PORTAS E JANELAS
DEIXE O CORRIMÃO BEM LIVRE...
DEIXE QUE OS PASSARINHOS QUE EM TI MORAM
ANUNCIEM ESSE AMOR QUE DEVE SER INCONTIDO
E NÃO MAIS ALGO FEIO E ESCONDIDO...
ESSA É APENAS UMA DAS MINHAS PROPOSTAS
DE QUEM NADA TEME E ARRISCA NA APOSTA
UMA PROPOSTA DE MEL ... DOCES TOQUES
QUE POR MAIS QUE EU EVITE A MINHA PELE ADORA
PORQUE TE AMO E O TEU SER INTEIRO ADOTO
TRATE-ME COM UM AMOR DE SANGRIA DESATADA
POIS SINTO JÁ CHEIRO DE FLORES PELA NOSSA ESTRADA


QUERENDO-TE

agosto/2014


Quero-te
levemente que me abraces
que me toques com dedos de ternura
que deites em meu convidativo regaço
e dê-me toda a tua imensa doçura...
que chegues em mim e estabeleça
um ponto de equilíbrio e de satisfação
será que isso é coisa criada ou inventada?
será que tudo é apenas em função do meu jeito?
Por favor...responda-me... isso é vício ou qualidade?
tento ser toda para ti e ponho-me inteira a quarar
pelo direito e também pelo avesso lá no meu quintal
mas saibas que eu pago um preço disso tudo afinal
quero ser em ti como a rama que cresce e se entrelaça

e desce pela tua cabeça e os teus pés abraça!

ADOCICANDO UM CORAÇÃO

AGOSTO/2014


Ter o dom de adoçar o coração de alguém
Pode ter a certeza que não é todo o mundo que tem
às vezes tem até quem se dê ao desfrute e tente
mas sem conseguir chegar ao âmago do ser
pode até fazer e parecer que está presente
mas há um vazio expresso no sorriso ausente
tudo pode ser apenas alguma desfaçatez
que não deixa dúvidas e nem talvez...
que esse não é o "alguém de ninguém"
por isso eu aprendi e sei também
a sorrir e a gargalhar facilzinho com o meu bem
somos então crianças de risos soltos

adultos marotos...pássaros de bicos revoltos

ONDE NOS ENCONTRAMOS

AGOSTO/2014


Olho a calçada nua do verão
o céu limpo e o sol ardente
um chamado seu para o meu coração
querendo que eu siga em frente
simplesmente esse som me comoveu
tenho que pensar cada vez menos nos meus eus
para abraçar os doces e suaves carinhos teus
com muito amor e com total cumplicidade

encontramo-nos na simplicidade e no calor da amizade

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

NESSES DIAS DE AGOSTO

AGOSTO/2014

Tem dias pra todo gosto
aqui nesse mês de agosto
deveriam ser de alegria
dia e noite...noite e dia
teria o dia das flores
aquele com mil olores
dias de ipês de todas as cores
de manga-rosa doçura
de lindos cajus ternura
algum dia de gardênia
de conversa e "data-vênia"
manhã cheirando a nenúfar
flor que habita o lago...
também tem a hora do salmo
horas de falar com Deus
pedindo pelos amores meus
mil palavras pra falar...
umas tantas pra calar
muitas horas para amar
tempo da prosa macia
de muito pedido à Maria
e dias de só se fazer poesia


CORAÇÃO DE ESPARADRAPO

AGOSTO/2014


 

Será meu amor querido

que saberás um dia me dizer

quanto tempo em média dura

me responda por favor...

... uma tola crise de amor?

Gostaria que me dissesses...

será que ela tem cura?

Grudamos os pedaços dos cacos

que pelo vento voaram?

Devemos repetir tudo o que fizemos

de um jeitinho muito mais apurado?

Lambemo-nos como o fazem os gatos?

Que tal vestirmos de sol os nossos trapos?

Se existir no mundo receita para uns machucados

quem sabe ainda nós vejamos recuperados

nossos pobres corações de esparadrapo...

 

 



quarta-feira, 27 de agosto de 2014

NUNCA DESISTAMOS

AGOSTO/2014


ESTRELAS BRILHANTES
APONTAVAM UM ANOITECER
DE UMA TÃO LONGA NOITE
NÃO HAVIA COMO EU SABER

VIVENCIANDO OS MEUS DRAMAS
PERDI-ME UM POUCO DE TI...
NÃO ME DEIXES SÓ POEMAS
SE NÃO EU DEIXO DE EXISTIR

MEU CONSOLO AINDA É SABER
QUE NÃO SOMOS FUGITIVOS
E NA CALMA DESSE QUERER
NÓS VEMOS OS NOSSOS MOTIVOS

MINHA VIDA QUE ACONTECE PARA TE AMAR
MIL SONHOS QUE PENSO EM REALIZAR...
SOZINHA MEU CORAÇÃO SE PARTE...
POR QUE NÃO VÊ RAZÃO PRA FICAR

AGRADEÇAMOS AO NOSSO DEUS
POR TER PERMITIDO ESSE ENCONTRO
QUE ACALENTA OS DIAS TEUS E OS MEUS
E NOS MOSTRA OS NOSSOS MUITOS ENCANTOS

PERDA DE SENHA

Só vivo perdendo a senha...

domingo, 24 de agosto de 2014

ACEITAS-ME COMO A TUA LUA?

AGOSTO/2014

Tudo o que é só da gente
tem um quê especial...
algo que é muito ardente
que eu acho sensacional

Assim são os teus poemas
quando os entendo por meus
às vezes de mim sinto pena
pois muitos deles são só teus

Não sei o porquê da alegria
desse chamego amoroso...
escritos todos os dias...
dando-me um prazer gostoso

Quero ser a tua lua...
pra tua pele acariciar
quando ao céu eu chegar nua
somente pra te agradar

Considere-se bem iluminado
por esse luar que é só teu
contigo eu mexo e respingo
gotas dos olhos meus!


PRESENTE DO INDICATIVO

AGOSTO/2014

GOSTO DO VERBO NO PRESENTE
AQUELE QUE É O QUE INDICA
ASSIM É QUE SE PRESSENTE
O QUE É SONHO E O QUE É VIDA

GOSTO DO TEU JEITO DE ME TOCAR
DE COMO ACARICIAS O MEU EGO
ADORO ESSE TEU OUSADO OLHAR
QUE FAZ ENXERGAR ATÉ UM CEGO

DENTRE MEUS MAIS SIMPLES DESEJOS
UM DELES É  JOGAR-ME EM TEUS BRAÇOS
COBRIR-TE INTEIRINHO DE BEIJOS...
COM MUITOS CHAMEGOS E AMASSOS

QUERO TUDO INTEIRAMENTE DE VERDADE
E TAMBÉM DESEJO TUDO URGENTE...
SENÃO FAZES COM O AMOR MALDADE
E MALTRATAS DEMAIS A GENTE...

DESSA CONVERSA DO VIRTUAL PARA O REAL
JÁ ESCREVEMOS MAIS DE MIL E MUITOS POEMAS
DIGO-TE QUE O QUE VALE E É MUITO LEGAL
É CHEGARES AQUI NUM AVIÃO DA IDEAL (NOVA COMPANHIA)

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Está complicado de postar....

E FOSTES ME CONQUISTANDO...

AGOSTO/2014


Me enamorei
Me apeguei...
Me alegrei
Nunca neguei!

Fui a nocaute muitas vezes
meu corpo inteiro e a mente
caí... levantei e nosso amor não se desfez
continua ardente... feliz e contente

Quero de ti o teu TUDO
que eu me dou a ti inteirinha
só que ainda acho um absurdo
não ter um avião nessa linha...

Nada pra mim foi brincadeira
fui só me entregando aos poucos
mas sempre fui verdadeira...
não dei ouvidos a muitos e a loucos

Fostes assim me conquistando
com suavidade e ternura...
outras posturas eu fui adotando
derreto-me em teus braços com loucura

Desde que me adentrastes bem fundo
teu corpo gostoso pesou sobre o meu
destes em mim o mergulho mais profundo
e numa sequência de gozos tudo aconteceu

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

NOSSO ACONTECER

agosto/2014

Me faça ser seu único alguém
me aperte e me chame meu bem
me deite na cama e me ame...
me sufoque de tanto tesão
me faça esquecer os medos
me chame... me chame... me chame
mande embora minhas inseguranças
destrua os nós e as amarras
esmague toda a minha intolerância
acabe logo com essa nossa distância
afogue todas as minhas mágoas
desculpe-me pelas minhas ânsias
incendeie a minha parte boa...
que anda vivendo à toa...
não me confunda e me queira
me silencie com os teus beijos
me seduza usando os teus desejos
me faça sorrir e totalmente sentir...
me ame bem daquele seu jeito

NOSSA HISTÓRIA

Agosto/2014

Uma mulher muito ferida
por tudo o que havia na vida
ganhou um lindo presente
um amor mais que querido
que a chamava de princesa
criou um jardim para ela
e nunca mais se  afastou dela
com ele vieram problemas...
ciúmes e trocas de ofensas
mas o tempo foi passando
as coisas foram se acomodando
tudo foi ficando ameno...
e o que era ruim foi esquecido
hoje ambos estão tranquilos
ele hoje é o seu docinho
e é indispensável à sua vida
cobre-a de carinhos e doçuras
e a sua vida tornou-se adorável
sem ele tudo é impensável...

Um amor igual a esse onde se vai achar?

agosto/2014


Um amor só pode crescer
quando é delicado e amoroso
se acender uma chama em seu viver
bem terno e muito carinhoso...
Tudo o que há entre nós
tornou-se assim tão incrível
porque desatamos os nós
mas nem tudo ainda é possível
Apesar de ser inconfundível
deveríamos abrir certas portas
sermos um pouco mais flexíveis
alguns senões apertam a minha aorta
Pense e repense querido
e veja se vale realmente a pena
eliminarmos o que é descabido
colocarmos tudo em cena...
Imprescindível é o que fazer
com o que nós dois sentimos
um carinho gostoso e um prazer
para mostrar porquê somos arrimos

O QUE VOCÊ FEZ EM MIM

AGOSTO/2014



Eu até me reinventei
tal qual você me pedia
e em seguida eu sonhei
pra ver se eu conseguia
acalentar o teu peito
ser a mulher do teu jeito
tornando-me assim especial
para em ti poder ficar
bem grudadinha em teu ser
 e que o nosso amor tão raro
possa ser sempre e mais...
e que caminhe só na verdade
construindo tudo na realidade

MEU AMOR É VOCÊ

AGOSTO/2014



Tenho uma vontade danada
Das de tirar o sossego
De dar-te um abraço arrochado
Desses que se dá com jeito
Dentre os meus desejos doidos
Tem um que nem sei dizer
Que eu mantenho escondido
Com medo de ti perder...
Nos meus momentos mais lúdicos
Nos quais eu me acho em você
Tem um sentimento único...
Que é a forma desse querer
Às vezes me vejo em teus braços
Eu deslizando em teu ser...
Quero demais teu regaço
Garanto  que amo você

SEGUREMOS NOSSO AMOR COM GARRA

AGOSTO/2014

Não deixemos escorrer no tempo
nossa vida inteira e nossos sentimentos
nunca foi e nem será um passatempo
essa explosão de amor que é alimento

É nutrição para nossas almas e mentes
enche de alegria o corpo e o coração
somos os dois... os ausentes mais presentes
porque trocamos energia e emoção

Há uma simbiose que é toda magia
na qual escorremos um para o outro
é algo concreto e longe da fantasia
sempre adocicado como um biscoito

Sentimentos com a fúria de um vulcão
lavas que entornamos com o maior carinho
afoitos somos como os furacões...
tudo isso pra ficarmos bem juntinhos

Depois de tantas e boas etapas
aprendemos coisas indispensáveis
sobre a felicidade que é mel de garapa
para tê-la eu juro que tudo farei...

terça-feira, 19 de agosto de 2014

EM TEU BRAÇO É QUE ME EMBALO

AGOSTO/2014


No universo dos sonhos
há sutilezas que agradam
nada aqui é enfadonho...
quando teus gestos me embalam

Encosto a cabeça em teu peito
ouço canções de ninar...
sinto um amor que é só jeito
veio e chegou pra ficar

Cante com essa doçura
que me agrada e me conquista
embale-me com toda a ternura
agora eu não sou mais arisca

Hoje sigo os teus compassos
teus mimos e afagos me cobrem
sem ti eu não dou mais um passo

perguntes aqui... todos sabem...

MEU JEITO MENINA...

AGOSTO/2014



Às vezes me ponho a pensar
em como meu coração vagueia
buscando em ti espaços para amar
ficando sempre só pra te agradar

Sinto que tudo agora é diferente
diverso...quente mas sereno...
acho que é porque nada foi urgente
que não construímos um amor pequeno

É que ele tem profundos alicerces
fincados todos com o ardor dos desejos
ele veio e se agasalhou em nós feito prece
e cresceu suave como o toque dos arpejos...

Quero de ti a mais linda poesia
que sejas a vida da minha vida
segure minhas mãos nas travessias
das longas pontes me chamando de querida

Esse meu jeito estranho de menina
acho que jamais o mudarei...
ele me empresta um ar de traquina
que sei que adoras e sempre o terei